Os cuidados com a pele é um tema muito debatido no verão. A maioria das pessoas se preocupam com a exposição solar que também é perigosa em outras estações.

Assim como a harmonização facial, que consiste em equilibrar pontos do rosto, os cuidados com a pele devem acontecer de igual maneira.

Cuidar do maior órgão do corpo humano deve ser algo intenso, já que cada ponto é essencial para garantir uma boa saúde física, e consequentemente de toda funcionalidade do nosso organismo. 

Por que cuidar da pele? 

Já virou algo comum ouvir falar sobre a utilização do protetor solar e todos os seus benefícios para a saúde da nossa pele. Discutir sobre o assunto é de extrema importância, mas muito acima disso, devemos colocar em prática todos os cuidados que aprendemos com o decorrer da vida.

A exposição ao sol ainda é uma grande polêmica entre as pessoas. Muitos dermatologistas apoiam a ideia que um pouco de sol de manhã não faz mal à pele, os benefícios são múltiplos, porém tem pessoas que são muito sensíveis aos raios ultravioletas, o que interfere na absorção benéficas dos raios UV.   

Principais cuidados 

A hidratação da pele se faz muito importante em qualquer período, mas o outono representa a chegada de um tempo mais seco e principalmente mais ameno que o verão. Porém as mudanças climáticas têm incidido sobre todas as estações em todo o mundo, o que pode intensificar ou amenizar certas situações climáticas de cada região, alertando ainda mais para os cuidados diários, e principalmente para as alergias. 

Não importa a estação, os cuidados devem ser os mesmos durante todos os anos, não se limitando apenas ao protetor solar. O tempo de exposição ao sol, a quantidade de água ingerida durante esse período e a até mesmo a alimentação podem contribuir para uma pele mais saudável.

É de extrema importância que você conheça a sua pele. Uma pele mais seca ou mais oleosa demanda cuidados diferentes. Um simples creme que não é apropriado para o seu tipo de pele pode atrapalhar na absorção e na forma de proteção natural do órgão, trazendo diversos problemas. 

Doenças ligadas a pele 

Quando falamos em doenças de pele, as alergias são as primeiras no ranking. Hoje em dia só no Brasil, 40% da população mundial sofre com algum tipo de alergia, segundo a Organização Mundial da Saúde, o que chama a atenção para os maiores cuidados com essa parte tão importante do nosso corpo. 

A alergia de pele é uma reação inflamatória que pode aparecer por uma maior sensibilidade a um determinado estímulo, que pode variar desde cosméticos, agentes presentes no ar como a poeira, alimentos, medicamentos e até mesmo picadas de insetos.

Os tipos de alergia mais comuns durante esse período são: a urticária alergica, que aparece como placas vermelhas na pele, apresentando coceira. Podendo ser uma reação advinda por medicamentos, algum alimento, picada de inseto ou alguma substância química (como o cheiro de tinta), sendo uma alergia que não é contagiosa. 

A dermatite de contato, que é uma alergia causada por contato com substâncias específicas em que a pessoa possua alergia. Ela pode aparecer de duas formas, sendo a mais comum a causada por substâncias que já são naturalmente irritantes para a pele. A segunda forma é na qual o paciente já sofre com uma alergia.

De maneira geral, as duas formas de alergia aparecem por meio de placas vermelhas na pele, e também provocam coceira, inchaço, bolhas, irritabilidade e até o ressecamento da área afetada. Seja por conta da utilização de algum creme, maquiagem, perfume e uma variedade de itens que possam provocar uma alergia. 

E não podemos esquecer das famosas picadas de mosquitos, que trazem muita irritabilidade, pois após receber uma picada, os mosquitos injetam uma a sua saliva no lugar, que tem uma ação anticoagulante provocando a reação alérgica, não costuma ser grave e tem a sua melhora com algumas horas, por isso a importância de usar repelentes nesses casos. 

Formas de tratamento 

São vários os produtos indicados para aliviar a alergia na pele, entre eles estão a água termal, hidratantes com aditivos, loção de limpeza hidratante e claro o protetor solar. 

Porém, nesse período as mudanças de temperatura também podem provocar alergias momentâneas, daí a preocupação em manter um ritmo de cuidados diários.

Mas de qualquer maneira é fundamental realizar uma consulta com um médico especialista, no caso um dermatologista, para uma avaliação do quadro alérgico e melhor identificação do tipo de alergia, assim como receitar o melhor tratamento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Redes Sociais

Parceiros

Logo Blog da Sulamita

Sou Sulamita Pinheiro Machado Cogan, advogada por formação. Todavia, por gostar de alguns assuntos como moda, beleza, música, pets, etiqueta e turismo no Brasil, resolvi escrever um blog para trazer aos usuários na internet conteúdos importantes sobre cuidados e os produtos utilizados com os pets.


Notice: ob_end_flush(): failed to send buffer of zlib output compression (1) in /home/femininas/www/wp-includes/functions.php on line 4348

Notice: ob_end_flush(): failed to send buffer of zlib output compression (1) in /home/femininas/www/wp-includes/functions.php on line 4348

Notice: ob_end_flush(): failed to send buffer of zlib output compression (1) in /home/femininas/www/wp-content/plugins/really-simple-ssl/class-mixed-content-fixer.php on line 110