Adestrar é realmente um ato bastante inspirador para a maioria das pessoas que desejam melhorar seu convívio diário com seus pets. Sem dúvida nenhuma uma das buscas mais recorrentes sobre o assunto cai inevitavelmente no caso da agitação do animal.

Muitos donos, principalmente de cães de pequeno porte, se sentem um pouco desafiados já que os animais costumam ter muita energia de sobra. Realmente pode ser assustador o que um pequeno filhote faz em poucos momentos sem acompanhamento.

Alguns se cansam porque mesmo tendo um dia cheio de atividades, o animal muitas vezes acaba por não dar sossego na parte da noite.

Mas e aí, teria algum jeito de ajudar nessa agitação toda utilizando apenas o adestramento? Seria possível guiar o comportamento do animal de um jeito que fosse mais fácil de conviver?

Então aproveite agora para entender o que o adestramento pode ou não te oferecer. Assim como o melhor caminho para deixar seu animal calmo e tranquilo durante todo o dia.

Adestrar meu cão vai deixá-lo mais calmo?

O adestramento de cães é uma técnica realmente antiga, que possibilita ensinar o animal a reagir a comandos e situações específicas. Realmente um recurso produtivo e que transformou toda a questão dos relacionamentos entre dono e animal

E de fato, sem adestrar um cão seria desafiador manter algumas espécies em locais menores, como por exemplo um apartamento. Afinal de contas, os cães são animais bastante ativos, e possuem uma natureza de exploração e caça que precisa ser constantemente saciada.

Se você tentar inibir pura e simplesmente os instintos do seu animal, sem saber controlar a situação de maneira racional, o resultado pode ser ruim.

Muitos animais acabam desenvolvendo uma leve depressão, que vai piorando com o tempo e costuma se somatizar a outras doenças. Mas também é comum encontrar animais que acabam mostrando um instinto muito agressivo, o que pode realmente ser ruim para qualquer um que se aventure perto dele.

Cursos online de adestramento e cuidado de pets são um ótimo começo para entender como melhorar esta dinâmica. Realmente é um caminho mais sustentável e garantido que você terá para lidar com esta situação.

Entretanto é crucial entender que cada pet é único, embora possam haver comportamentos semelhantes dentro de uma raça, o ideal é não considerar todos como iguais. Investigar as causas da agitação normalmente é o melhor remédio para o problema.

Então sim, adestrar seu cão pode deixar ele mais calmo, embora nem sempre seja a solução perfeita.

Vou mostrar aqui algumas técnicas que podem te ajudar.

1 – Caso seja excesso de energia, gaste ela um pouco

Não precisa ser um gênio para perceber a diferença entre um cão doméstico e um peixe de aquário. E aliás, os peixes em geral gastam muita energia durante o dia, é só perceber quanto tempo eles gastam se movimentando, é quase que algo ininterrupto.

Um cão que mora em um local com pouco espaço dificilmente vai se movimentar ou se esforçar o tanto que ele precisa todos os dias. Isto sem contar que muitos até podem ter espaços abertos para correr à vontade, mas não querem fazer isto sozinho.

O ideal é separar um tempo todos os dias para correr e brincar com ele. Fazendo com que você acabe com este excesso de energia acumulada. Pode ser até um estímulo para que você comece a fazer algum exercício também.

2 – Sem tempo para cansar seu pet? Procure um cuidador profissional

Hoje é possível encontrar pessoas que irão fazer a caminhada e os exercícios do seu pet de maneira profissional. Alguns aplicativos, como por exemplo o Dog Hero são ideais para que você tenha um bom resultado.

Lá você poderá encontrar o perfil adequado de vários cuidadores, junto com as experiências de quem já os contratava antes. É realmente um trabalho incrível!

Sem contar que você pode contar com vários auxílios para quando for viajar ou fazer qualquer outro tipo de atividade.

3 – Procure adestrar seu pet

Uma excelente maneira de ter uma atividade interessante ao mesmo tempo em que gasta a energia do seu pet é definitivamente adestrando ele. O processo todo pode ser feito através de um curso online com certificado.

Claro, lá você aprenderá como funciona o sistema de recompensas, como faz para orientar seu pet a conseguir um agrado sempre que fizer uma atitude positiva.

Um dos problemas da maioria dos donos de pet é realmente ignorar que eles precisam de um cuidado especial. E assim acabar simplesmente dando recompensas em qualquer quantidade e a qualquer hora.

Eles não entendem instintivamente que estão com sobrepeso ou algo semelhante, e por isso precisam ter as porções controladas. Caso contrário, várias doenças podem ocorrer.

Isto sem contar que muitos acabam sem querer estimulando comportamentos negativos. Como por exemplo, dar um petisco quando ele ficar muito agitado, pensando que isso irá acalmá-lo.

É possível que com o tempo o animal entenda que ao ficar agitado terá direito àquela recompensa. E por isso repetirá o comportamento propositalmente.

Conclusão

Este é realmente um caminho que não é muito longo a se seguir. Lembrando que muitos animais acabam por terem seus comportamentos alterados na época do cio, e assim podem realmente encontrar problemas para serem controlados.

Castrar é sempre uma das melhores opções para a segurança e saúde do animal. Além de evitar o crescimento da superpopulação já existente.

Lembrando também que é importante sempre que possível analisar as origens de todo o processo de agitação. Pode ser que seu pet esteja sofrendo com algum aroma forte, ou mesmo com um barulho bastante alto.

Sem contar que podem haver barulhos que nós não escutamos, mas eles sim. Por isso é sempre importante tentar entender os padrões e fazer de tudo para estarmos sempre ajudando o pet a estar tranquilo, saudável e calmo.

No mais é isso, espero que estas orientações tenham sido suficientes para te orientar. Entretanto, sempre que possível é só entrar em contato para te ajudarmos, ok?

Chegue até os comentários e pergunte o que quiser. Assim que puder eu respondo.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Certificado Cursos Online, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre cursos, educação e diversos segmentos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Redes Sociais

Parceiros

Logo Blog da Sulamita

Sou Sulamita Pinheiro Machado Cogan, advogada por formação. Todavia, por gostar de alguns assuntos como moda, beleza, música, pets, etiqueta e turismo no Brasil, resolvi escrever um blog para trazer aos usuários na internet conteúdos importantes sobre cuidados e os produtos utilizados com os pets.