O anel vaginal é um método contraceptivo que utiliza hormônios para inibir a ovulação, fazendo com que a mulher esteja protegida de uma gestação mesmo se mantiver relações sexuais sem o uso de preservativos.

Ginecologista recomenda o anel vaginal para a paciente
Imagem: Shutterstock

O anticoncepcional deve ser introduzido no fundo da vagina pela mulher no 5º dia após a menstruação, colocando-o no colo do útero, onde deve ser mantido por três semanas. O anel vaginal libera etonogestrel e etinilestradiol que inibem a ovulação, da mesma forma que a pílula anticoncepcional.

O anel vaginal é um método contraceptivo melhor que os demais?

Assim como outros métodos contraceptivos, o anel vaginal possui vantagens e desvantagens que fazem com que seja uma melhor opção em determinados casos, mas contraindicado em outros. Portanto, o ginecologista deve levar em consideração a opinião e a situação de cada paciente.

Quanto aos benefícios do anel vaginal que fazem com que ele seja uma opção melhor quando comparado a outros métodos destacam-se:

  • Possui uma eficácia de 99,8% quando usado corretamente;
  • Libera menos hormônios que a pílula anticoncepcional, reduzindo efeitos colaterais;
  • É colocado mensalmente, reduzindo as chances de esquecimento;
  • Não prejudica as relações sexuais;
  • Ajuda na regulação do ciclo menstrual;
  • Reduz as cólicas menstruais.

Portanto, são diversos os benefícios que fazem com que o anel vaginal seja um método contraceptivo prático e recomendado para diferentes casos, ainda assim é preciso conhecer as desvantagens da opção, como:

  • Pode apresentar efeitos colaterais relativos aos hormônios como ganho de peso e acne;
  • Não protege contra doenças sexualmente transmissíveis, mantendo a necessidade de uso de preservativo durante as relações;
  • Deve ser introduzido no mesmo horário (com atraso máximo de três horas) para não interferir na proteção;
  • Não é recomendado para mulheres que também não possam fazer uso de pílula anticoncepcional;
  • É contraindicado para pacientes que possuem problemas no fígado ou pressão alta.

Dessa forma, o anel vaginal ser considerado um método melhor que os demais, depende das condições, como se a paciente pode fazer uso de hormônios, se é mais suscetível a efeitos colaterais ou se tem dificuldade de seguir uma rotina de uso, como no caso da pílula.

Para quem o anel vaginal é indicado?

O anel vaginal é recomendado para qualquer mulher que mantenha relações sexuais e que não deseje engravidar. Assim como a pílula anticoncepcional ele libera hormônios no organismo, fazendo com que o uso deva ser recomendado por um ginecologista após exames, se necessários.

Esse método contraceptivo também é recomendado para mulheres que têm efeitos colaterais em demasia devido ao uso da pílula anticoncepcional, pois, utiliza um tipo diferente de progesterona e em menor concentração.

Não se deve utilizar conjuntamente o anel vaginal e a pílula anticoncepcional, pois, como ambos utilizam hormônios pode ocorrer uma alteração da concentração deles no organismo, intensificando efeitos colaterais e não garantindo a proteção contraceptiva.

Quais os efeitos colaterais associados?

Devido à concentração de harmônios os efeitos colaterais do anel vaginal incluem o ganho de peso. No entanto, a ocorrência é menor do que nos casos de uso da pílula anticoncepcional.

Pelo mesmo motivo, esse método pode causar sangramentos fora do período menstrual, sendo que eles não apresentam riscos à paciente. Apenas se forem intensos e persistentes um ginecologista deve ser procurado para investigar as causas da ocorrência.

O anel vaginal é um método contraceptivo seguro e eficaz, mas seu uso deve ser recomendado pelo ginecologista, garantindo um acompanhamento adequado da saúde íntima feminina.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Redes Sociais

Parceiros

Logo Blog da Sulamita

Sou Sulamita Pinheiro Machado Cogan, advogada por formação. Todavia, por gostar de alguns assuntos como moda, beleza, música, pets, etiqueta e turismo no Brasil, resolvi escrever um blog para trazer aos usuários na internet conteúdos importantes sobre cuidados e os produtos utilizados com os pets.


Notice: ob_end_flush(): failed to send buffer of zlib output compression (1) in /home/femininas/www/wp-includes/functions.php on line 4344

Notice: ob_end_flush(): failed to send buffer of zlib output compression (1) in /home/femininas/www/wp-includes/functions.php on line 4344